Engana-se e muito quem pensa que o Filé à Parmegiana é uma receita típica italiana. Ele foi inventado no Brasil, especificamente em São Paulo. Ninguém sabe dizer quem foi o autor da façanha. Mas bem provavelmente, o abençoado devia ser um imigrante italiano ou, no mínimo, um descendente.

Pode percorrer a Itália toda,  do cume do cano alto até a ponta da bota. Pode até caprichar no sotaque de novela e no gestual exagerado ao bradar “biffe alla parmaegiana”. O máximo que você vai encontrar é o cotoletta alla milanese  (bife à milanesa) e a parmigiana di melanzane (berinjela à parmigiana).

O bife, feito com bisteca (com o ossinho) de vitela batida, empanada e frita por imersão, provavelmente surgiu na cidade de Milão. Pelo menos são de lá os relatos mais antigos do prato. O escritor italiano Pietro Verri, em seu livro Storia di Milano (História de Milão), registrou ter comido o prato na Igreja de Santo Ambrósio em 1134 “coteletta impanata, fritta nel burro“.

Já o parmigiana na Itália,  por excelência, é a berinjela. Feita em fatias dispostas em camadas, regada com molho de tomate e salpicada com queijo parmesão. Muito tradicional nas regiões da Sicília,  Nápoles e, claro, Parma, na Emilia-Romana (terra natal do queijo parmesão). Sua origem é confusa e a autoria muito disputada como quase todas as receitas italianas.

termo parmigiana segundo o Devoto-Oli, dicionário muito famoso por lá, significa “cozinhar à maneira de Parma, isto é, como os habitantes da cidade de Parma, preparar os legumes em camadas.” Não coincidentemente, na Sicília, a palavra deriva de parmiciana, que se refere a janelas com tiras de madeira em camadas, semelhantes às nossas persianas. Exatamente a forma como é montado prato. Termologias usadas para reforçar a disputa pela autoria da receita.

Mas a parte que nos toca é que em algum momento aqui no Brasil isso tudo aportou. E os braços italianos importados como mão-de-obra barata, logo fundaram as cantinas. Outra invenção dos ítalos-brasileiros que não existe na Itália. E nesses restaurantes simples não se sabe se o bife à milanesa que evoluiu ou se foi a berinjela. A única certeza é que os imigrantes, na tentativa de matar a saudade da terra natal, criaram um dos melhores PFs do Brasil.

 

 Receita passo a passo: Filé à Parmegiana

 

Facebook Comments

Nas Categorias: Blog, Reportagem