Colunistas

Cartagena para Vegetarianos e Veganos

Por Marina Kawata em: em: 23 de maio de 2016
Tags:, , , , , ,

San-Roque

Foto: Saint Roque Cafe, no bairro Getsemaní

Cartagena de Índias, na Colômbia, é uma cidade charmosa, destino de casais e também de mochileiros que buscam natureza, praias de água cristalinas e muito sol!

Por ser banhada pelo Caribe, Cartagena tem uma gastronomia baseada em peixes e frutos do mar e, na maioria dos restaurantes, a unica opção vegetariana é salada ou improvisos, como arroz com vegetais. Há também redes de sanduíches espalhadas por toda a cidade, onde sempre têm opções rápidas. Mas normalmente esses lugares não matam a curiosidade de quem quer provar novos sabores. Para o viajante vegetariano que curte comer e beber bem, aqui vai uma seleção, testada e aprovada, de cantinhos baratos que fui descobrindo nas minhas caminhadas em busca de comida gostosa!

Anacardos

Anacardos – Cocina Creativa
Com foco na cozinha saudável, Anacardos tem um vasto menu vegetariano, com pratos a la carte e executivos. O lugar é super aconchegante e tranquilo.
Recomendo provar o menu do dia que inclui sopa, suco e prato principal. Comi arroz de coco (típico da costa colombiana, hambúrguer de lentilha, salada, berinjela grelhada e hummus por 15.000 pesos (5 dólares +/-)
End.: Calle del Curato, #38-34 Centro

+++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++

Saint Roque Café (primeira foto)
Localizado no bairro Getsemaní, fora dos muros da cidade, o holandês de mãe indonésia, Gerard Van der Haas abriu seu restaurante com a proposta de servir pratos que aprendeu com sua mãe. Comida indonésia com toque colombiano, picante, diferente e deliciosa! O ambiente é bem gostoso e intimista, à luz de velas e com um jazz de fundo.
O prato Gado Gado é vegetariano, composto por 6 vegetais, ovo, molho de amendoim e acompanhado por arroz de coco e uma Heineken. Preço 22.000 pesos (+/- 8 dólares).
End.: Calle Espíritu Santo 10c, #29-214 – Getsemaní

+++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++

Ciocolatto

Ciocolatto Pop-Bar
Picolés artesanais 100% naturais e pra todos os gostos e restrições: veganos, com leite, iogurte ou adoçados com stevia para diabéticos. Nos sabores estão presentes os clássicos chocolate, amarena, pistache e também muitas opções colombianas, como as frutas lulo, níspero, limonada de coco e zapote. Cada picolé custa 5.000 pesos (2 dólares).
End.: Calle Del Arzobispado con esquina Calle de Ayos. Centro.

+++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++

Crepes-&-Waffles-Terraza

La Terraza de Crepes & Waffles
É uma rede colombiana presente também em diversos países da America Latina. Com uma variedade imensa de crepes e sanduíches, no cardápio há boas opções para vegetarianos, com cogumelos, queijos diversos e vegetais. O menu de crepes doces vai muito além do Suzette, como por exemplo o Dulcineia, que vem com uma bola de sorvete envolta em massa, creme inglês, doce de leite (chamado de Arequipe na Colombia) e calda de abacaxi. O terraço tem o acesso um pouco escondido, mas com uma vista privilegiada de diversos pontos do Centro Histórico de Cartagena. Peça uma bebida e aprecie a paisagem da igreja e das torres, igrejas e da cúpula da Catedral de Cartagena que à noite fica iluminada.
End.: Terceiro piso do restaurante Crepes & Waffles. Calle San Pedro Claver com esquina Calle de la Amargura. – Centro.
+++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++

Malagana

Malagana
Com um enxuto cardápio, o pequeno restaurante localizado em Getsemaní , o bairro dos hostels e reduto dos mochileiros da cidade, faz bonito com a única opção vegetariana disponível: a salada Malagna, que leva alface, espinafre, cogumelo paris empanado, tomatinho, pimentão assado, abacate, milho e redução de balsâmico. Uma salada que vale por uma refeição completa, por 18.500 pesos (+/- 6 dólares)
End.: Calle Tripita y Media, #31-55 – Getsemaní
+++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++

Juan Valdez

Juan Valdez Café
A rede de cafés é um clássico colombiano e está espalhada por toda a cidade. São diversas opções de cafés e também de comidinhas pra acompanhar. Há um combo por 6.000 pesos (2 dólares), no qual escolhe-se entre café preto, (chamado de tinto na Colombia), café gelado (granizado) ou cappuccino e acompanha um palito de queijo com massa de croissant.

+++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++

Comidas de rua
Uma ótima opção pra provar o que a Colômbia tem de mais típico:

patacón

Patacón
Panqueca feita com banana amassada e frita, normalmente servida com algum molho, como o hogao, semelhante ao nosso vinagrete. Uma delícia!

Arepas
É a tapioca colombiana. Feita de milho, ela é servida com manteiga e um queijo salgado que lembra o queijo coalho.

palenquera

Frutas colombianas
Em carrinhos de mão, barraquinhas ou vendidas por palenqueras (as simpáticas vendedoras que andam pelas ruas com seus vestidos coloridos e bacias na cabeça) as frutas típicas estão por todos os lados do centro histórico de Cartagena. Algumas com sabor semelhante às nossas, outras muito diferentes, mas recomendo provar toda a variedade que puder.
Níspero é uma fruta de casca semelhante ao kiwi, muito doce, lembra um pouco o caqui, mas mais seca. O mamão papaia é enorme, parece o nosso formosa e quase não tem sementes. O mamón, de casca verde e dura, é conhecido como a uva colombiana, vendida em cachos, mas lembra mais a nossa jabuticaba. Tomate del árbol é azedinho, mais usado para sucos.

+++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++

Casa de suco

Casa de suco La Esquina Del Pan de Bono
Na Plaza de los Estudiantes, em frente ao Café Juan Valdez, há uma casa de sucos, ideal para provar sucos naturais das frutas colombianas.

+++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++

BBC

Cervejas Colombianas
Prove pelo menos uma das cervejas da BBC – Bogota Beer Company, uma cervejaria pequena com menos de 1% do mercado nacional, que valoriza a produção artesanal.
http://bogotabeercompany.com/

E também a popular Club Colômbia, que têm 3 sabores: Dorada, Negra e Roja, sendo a Dorada (golden lager) minha favorita!

Agradecimentos: À minha irmã Ligia Kawata, que está morando na Colômbia, pela paciência nas caminhadas em busca de comida vegetariana e pela companhia que tornou toda a viagem tão especial!

À Lure City Guide por compartilhar as fotos dos restaurantes Saint Roque e Crepes & Waffles.
www.lurecityguide.com
https://www.facebook.com/LURECITYGUIDE/
https://www.instagram.com/lurecityguide/

*Marina Kawata é jornalista e especializada em gestão de empresas, mas é na cozinha que encontrou sua paixão. É vegetariana e acredita que a alimentação saudável é a solução para a saúde, desde que a comida seja gostosa!




3 Comments

  1. cristian disse:

    O mamón existe no Brasil, se chama pitomba, é uma fruta muito gostosa. Em Cartagena encontra-se uma fruta muito semelhante à jabuticaba em aparência, mas não em sabor, de chama de corozo. É muito gostosa também.
    Gostei muito da matéria.

  2. Rafaela disse:

    Sou vegetariana, estou indo para Cartagena no começo do ano que vem e adorei as dicas!

  3. Larissa Januário disse:

    Olá rafaela, que bom!!! Boa viagem!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *