Meu Peixe na telha

Para o peixe
1kg da pintado – tem que ser um peixe de couro cortado em postas
3 pimentões médios, um verde, um amarelo e um vermelho
1kg de tomates maduros
3 cebolas
Suco de um limão
4 dentes de alho
Sal a gosto
Pimenta de bode a gosto (ela cheira mais que arde, mas se não gosta exclua)
Cheiro verde a gosto
200 ml de leite de coco (você pode fazer o seu como eu)
Farinha de rosca a gosto

Preparo
Tempere as postas com sal, pimenta e parte do alho picado. Molhe com limão. Em Goiás o indicado é deixar o peixe no molho com temperos por pelo menos, duas horas. A ideia é pré cozer o peixe no limão. Eu tava compressa e deixei só o tempo de fazer o refogado do molho.

Falando em molho. Corte as cebolas em rodelas e refogue em azeite. Acrescente o restante do alho. Coloque a maior parte dos tomates também cortados em rodelas. Deixe formar um molho por uns 20min. Por último,  junte os pimentões também em rodelas (retire as sementes e os veios brancos). Regue com o leite de coco. Eu faço o meu natural. É simples: compre coco fresco ralado não vale de saquinho, bata no liquidificador com água de coco até dizer chega. Coe com um pano de prato limpo. Feito! Temos leite de coco.

Unte a telha com um fio de azeite e disponha as postas temperadas e cubra com o molho. Coloque algumas rodelas de tomate e salpique o cheiro verde e a farinha de rosca por cima. Leve ao forno alto (220º C) por 10 minutos. Sirva com pirão ou com o cuscuz de farinha d’água.

Mais sobre o Peixe na Telha 

Uma pitada de reportagem: Peixe na Telha, um clássico goiano

Facebook Comments

Nas Categorias: Pratos Principais, Receitas