Receita: Nhoque de Abóbora com Cogumelos Salteados e Manteiga de Sálvia

};?>

 

Ingredientes (para duas pessoas)

1/4 de abóbora japonesa
2 colheres de sopa de farinha de trigo
300 gramas de cogumelos portobello frescos não lavados (vale paris ou shitake também) – Cogumelos lavados ficam encharcados e amolecem quando são levados ao fogo.
1 ramo de sálvia
2 colheres de manteiga sem sal
1 sal (1 colher de café rasa para a massa)
1 colher de café de flor de sal (para finalizar)

Preparo

Corte as abóbora em cubos, tempere com sal e pimenta e leve ao forno para assar até que fiquem macias. Amasse-as ou passe no processador. Coloque a farinha e aceite o sal se necessário. Ela não vai ficar uma massa firme, por isso você vai precisar de um saco para fazer os nhoques. Reserve na geladeira.

Derreta a manteiga em uma panela, quando estiver quente e meio com de caramelo, desligue o fogo e coloque as folhas de salvia. Transfira para um recipiente e retire a espuma da superfície com uma colher. Reserve.

Limpe os cogumelos com a ajuda de um papel toalha e fatie. Aqueça uma frigideira com um pouco de manteiga e refogue os cogumelos até dourar. Não lote muito a penela, para que eles fritem, sem soltar água. Reserve.

Coloque uma panela com água para aquecer. Em um saco limpo, qualquer saco de plástico grosso, coloque a massa de abóbora e faça um pequeno corte na ponta. Quando a água estiver fervendo, vá colocando canudos de massa. Aqui é jogo super rápido. Em poucos minutos o nhoques sobem à superfície e você já deve tirar e colocar no recipiente em que for diretamente servir  (quanto menos manipular os nhoques melhor, eles são muito leves, macios e sensíveis, porque têm pouca farinha).  Repita a operação até o fim da massa.

Monte pratinhos individuais de nhoque. Coloque sobre eles os cogumelos salteados, regue com a manteiga de salvia e salpique  com flor de sal. Sirva imediatamente.


Receita: Batatas ao Murro com Alecrim

};?>

 

Ingredientes (para 2 pessoas)
500 gramas de batatinha (mini)
1 ramo de alecrim
Sal grosso (1 saco daqueles para churrasco)
Azeite a gosto

Preparo


Lave e seque as batatinhas. Espalhe-as numa assadeira e cubra com o sal gosto (não, não vai ficar salgada). Leve ao forno médio por uns 15 minutos. Teste, enfiando um garfo para  ver se já estão macias, se não, deixe mais 5 a 10 minutos.

Retire todo o sal das batatas. Ele vai endurecer, por isso você vai precisar de um garfo. Depois, espalhe as batatas em uma superfície firme e aperte com uma colher. O nome batata ao murro é porque as batatas eram amassadas com um um soco do peito da mão. Mas como não queremos nos queimar, usamos a colher. Tempere com os ramos de alecrim, regue com azeite e leve por mais 5 minutos só para pegar o gosto da erva. Sirva imediatamente como entrada.

 


Confira menu completo de receitas vegetarianas harmonizado com cervejas

};?>

 

Essa semana vou sugerir alguns menus harmonizados  (com cerveja) para os enamorados. A ideia é que você e seu amor cozinhem juntos ou separadamente (pode fazer uma surpresa) e celebrem o amor sem pegar filas e gastar muito. Para começar, um menu sem carne. Dá uma olhada no menu completo: 

Batata ao murro com alecrim: entrada leve e saborosa. Como é assada, pode ser feita com antecedência e aquecida na hora da refeição.

Read the rest of this entry »


Dia dos namorados: ganhe um kit do Le Box e prepare um jantar de chef em casa!

};?>

 

Dia dos Namorados é sempre a mesma coisa: fila. Fila no restaurante, fila no motel, fila até na farmácia. Seja no fim de semana, na segunda, ou em qualquer outra feira, todo mundo que está em dupla nessa vida resolve ser romântico e pagar aquele jantar maroto pro seu amor. E os solteiros resolvem sair pra se vingar e lotar também os botecos.  Eu gosto disso também, sou do frevo e prometo fazer o top five luv dinners na semana que vem.

Read the rest of this entry »