Confira os eventos do fim de semana na gastronomia

};?>

 

foto 2
Chef à porter lança kit torcedor com petiscos e doces para a copa
Pra você que adora curtir a copa do mundo acompanhado por petiscos e docinhos, mas que não tem tempo de preparar, o Chef à Porter acaba de lançar duas opções de cardápio (um carnívoro e outro vegetariano) com comidinhas prontas para servir. Entre as sugestões estão os mini sanduiches de copa lombo suína,  maionese de alho, chutney de cenoura e mini rúcula (menu carnívoro) ou os rolinho de massa de arroz, vegetais crocantes com gengibre e amendoim e molho picante de manga (menu vegetariano). De sobremesa, há o folhado de maça com especiarias, creme de ricota e baunilha, ou a mousse de chocolate, crocante de avelãs e caramelo e flor de sal. Os pedidos podem ser feitos pelo e-mail gustavo.chefaporter@gmail.com ou através do telefone (11) 9-8409-0913 sempre com dois dias de antecedência a data de retirada. Os menus completos com porções que servem até 10 pessoas, estão disponíveis no site Chef à Porter.

+++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++

MIS tem pocket edition da Feirinha Gastronômica
É neste fim de semana (21/06 e 22/06) que o MIS (Museu de Imagem e Som) recebe mais uma edição reduzida da Feirinha Gastronômica. Com apenas oito participantes servindo comidinhas, vinho e cervejas, o evento conta com pratos como boeuf bourguignon com batata assada, legumes e redução de vinho; vinho branco quente, com gengibre, cidreira, maçã verde e cardamomo; creme de aspargos; risoto de cogumelos e batatas bravas.  Para finalizar, há o  fondue de frutas, a mini eclair e o brownie em diferentes sabores, e o milk shake de chocolate com brownie ou com uísque. O evento marca o último final de semana da exposição Maio Fotografia e a realização de duas sessões do documentário Gregory Crewdson: Brief Encounters, do Bem Shapiro. A partir das 17h.

MIS
Avenida Europa, 158 – Pinheiros, São Paulo – SP, 01449-000

+++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++

Wellington NemethParibar traz “Festival do Cogumelo Orelha de Pau”
Vai até o diae 30/06 o “Festival do Cogumelo Orelha de Pau” do Paribar. O cogumelo Hiratake ganhou tal apelido por causa do seu formato e por nascer nos troncos das árvores. Com pratos criados pelo chef Luiz Compligia o festival oferece entrada + principal por valor fixo de R$35,90.Para começar há o tomate ao forno recheado com purê de cará e cogumelo orelha de pau acompanhado queijo coalho grelhado e abobrinha cozida recheada com carne a bolonhesa e cogumelo orelha de pau. Entre os pratos principais, destaque para o ravioli de espinafre recheado de cogumelo orelha de pau e molho branco gratinado e o Escalope de porco e galinha recheado com cogumelo orelha de pau empanado no molho rôti, com purê de mandioquinha e beterraba.

Paribar Gastronomia Boêmia
Praça Dom José Gaspar 42,-  Centro –  tel. 3237-0771.
www.paribar.com.br

+++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++

Foto do Prato - crédito Lucas Terribili - Sabores de Mi Tierra (1)
Sabores de Mi Tierra
recebe colombianos
A chef colombiana Magdalena Torres, da Sabores de Mi Tierra, vai receber receber os torcedores da Colômbia com pratos da culinária tradicional do país. Os jogos serão transmitidos no Instituto Goethe, que fica em frente ao restaurante, em um telão e os torcedores poderão se deliciar com arepas e pantacones com diversas coberturas como feijão com torresmo e guacamole e frango desfiado com molho criollo (R$12). As empanaditas colombianas (R$6) também fazem parte da festa, assim como os chips (R$4). Para beber, limonada de coco (R$5), que pode ser incrementada com rum (R$12), limonada adoçada com rapadura (R$ 4) e também mojito (R$ 12).

Sabores de mi Tierra
Rua Lisboa, 971, Pinheiros
Tel.: 11 3083-3114

+++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++

image002 (3)Zucco serve menu degustação especial no jantar
Durante o mês de junho o Zucco oferece menu degustação no jantar. Intitulado Menu do Mar, a sugestão oferece uma entrada, um principal e uma sobremesa por R$ 92 por pessoa. Para acompanhar há ainda três sugestões de vinhos (Pinot Grigio Allegrine, Luiz Pato Baga, Tabali Late Harvest) por R$ 68 a garrafa.As sugestões incluem carpaccio di salmone aromático (salmão marinado ao dill e raspas de limão siciliano com folhas verdes) de entrada; spaghetti alla pescatore (massa italiana com camarões, vieiras, lulas, mariscos ao molho de tomate fresco) ou branzino alla mediterrânea con risotto al limone (robalo grelhado ao molho de shitake, tomate cereja e manjericão acompanhado de risoto de limão siciliano) para principal e de sobremesa o mille foglie di fragole con mascarpone (massa folhada crocante, recheada de morangos e creme de mascarpone acompanhada com calda de baunilha).

Zucco Jardins
Rua Haddock Lobo, 1.416, Jardim Paulista
Tel.: (11) 3897 0666

Zucco Morumbi Shopping
Av. Roque Petroni Júnior, 1089, Morumbi – Piso Lazer / Área Gourmet
Tel.: (11) 5181 4748


Receita de bobó de ~camarão~ com tudo dentro (surf and turf)

};?>

 

bobo_camarao_semmedida_larissa_januario17

Aqui em casa sempre tem sobras de comida. Como o Chef à Porter faz mutos eventos volta e meia temos aqueles pequenos bocados de coisa boa na geladeira. Num dos inventários do freezer vi que tínhamos um pouquinho de várias coisas: lula, frango, linguiça, peixe e camarão.  Separadamente, as porções não iam fazer verão, mas juntas renderiam um banquete.

Daí foi só juntar a fome com a vontade de comer pra dar origem ao Bobó de Camarão com tudo dentro.  Segue a receita que vai esquentar seu coração.

Ingredientes (serve 6 pessoas)
200g de mandioca cozida
200g de mandioquinha (batata barôa) cozida
150g de camarões cinza médios
150g de camarões rosa maiores
100g de peixe (eu tinha pintado)
100g gramas de linguiça fininha
150 de filé de frango
2 dentes de alho picadinhos
1 pimenta fresca de sua preferência (usei de bode)
1 vidro de leite de coco
1 cebola grande em cubos
2 colheres de molho de tomates frescos (ou 2 tomates em cubos)
3 pimentões (vermelho, amarelo e verde) pequenos em cubos
Azeite de oliva
Pimenta de cheiro, coentro e dendê para finalizar
1 copo americano de caldo de camarão natural (se não tiver use água)

Preparo

bobo_camarao_semmedida_larissa_januario

Cozinhe em água com sal a mandioca e a mandioquinha separadamente até desmancharem. Você pode usar um tipo só, eu fiz isso pq tinha um pouco de cada e queria experimentar. Reserve. Numa panela refogue cebola e parte dos pimentões ate dourar. Junte as mandiocas.

bobo_camarao_semmedida_larissa_januario2

Misture bem. Junte o molho de tomate. Se usar tomate fresco, coloque junto com os pimentões. Coloque o leite de coco e mexa. Acerte  o sal se necessário. Reserve quente.

bobo_camarao_semmedida_larissa_januario3

Em uma panela larga coloque um fio de azeite e refogue primeiro a linguiça e o frango em cubos. Quando ficarem bem cozidos e dourados (se precisar acrescente um pouco de água) junte a cebola e o restante dos pimentões e o alho. Refogue mais uns 2 minutos. Junte o peixe em cubos.

bobo_camarao_semmedida_larissa_januario4

Na sequência coloque os camarões (reserve os maiores pra finalização) e o caldo que você aprende a fazer aqui. Misture tudo gentilmente para que as carnes não desmanchem. Por último, junte a lula e cubra com a massa de mandioca quente. Mexa bem, se precisar junte mais caldo. Deve ficar um caldo grosso, porém cremoso.  Desligue o fogo, para garantir o ponto dos frutos do mar. Eles não podem cozinhar demais se não ficarão duros e borrachudos.

bobo_camarao_semmedida_larissa_januario5

Grelhe os camarões separados em azeite de dendê, sal e pimenta e reserve.

bobo_camarao_semmedida_larissa_januario6

Finalize com o dendê, folhas de coentro e o restante dos camarões rosa grelhados. Sirva com arroz branco ou arroz de coco.

bobo_camarao_semmedida_larissa_januario14

Para quem gostou da cerâmica usada na foto ele é da ceramista Renata Veinert que eu conheci no evento Sukiyaki do bem, promovido pela Hideko Honma.

 


Agenda Cervejeira: confira os eventos do mundo da cerveja

};?>

 

 

 

5-Concurso-Mestre-Cervejeiro-Eisenbahn-630x210

Abertas as inscrições para o 5º Concurso Mestre Cervejeiro Eisenbahn

Estão abertas as inscrições para o 5º Concurso Mestre Cervejeiro Eisenbahn, para escolher a melhor Belgian Blond Ale produzida em casa. Até o dia 28/06 os cervejeiros brasileiros poderão inscrever suas receitas de BELGIAN BLOND ALE. A Eisenbahn, junto a um grupo de especialistas, vai avaliar as cervejas caseiras e a que obter a melhor avaliação se tornará uma edição especial e limitada da marca. Para participar, além de se inscrever no site, os interessados deverão enviar quatro litros da sua cerveja em garrafas não rotuladas e sem menção a nenhuma marca da concorrência até o dia 18/09. Ao final, cada participante receberá uma avaliação individual e exclusiva de sua cerveja.

+++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++

Cervejoteca comemora três anos de vida

É neste sábado (21/06), a partir das 12h, a festa de comemoração dos três anos da Cervejoteca. Para celebrar, o chef cervejeiro Ronaldo Rossi, receberá os amigos na unidade da Sena Madureira para comer e beber bem. No menu, cervejas com desconto que pode chegar a 50 % e as comidinhas do chef como o sanduíche de costela bovina desfiada, servido com molho de cervejas e queijo no pão francês; o espetinho de porco com bacon à milanesa, servido com molho cítrico e Bolinho de Arroz Padrão FIFA, opção com 3 queijos. Também terão sorteios de brindes cervejeiros (cervejas, copos, kits, cursos e degustações). Todos os jogos da Copa no horário da festa serão transmitidos.
Cervejoteca
Rua Sena Madureira, 749, São Paulo

+++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++

cerveja

Aberta nova turma para o Curso de Introdução ao Universo das Cervejas Especiais

Corre que dá tempo de começar o curso de Introdução ao Universo das Cervejas Especiais do Instituto da Cerveja Brasil. Voltado para consumidores, entusiastas e amantes de cerveja, o curso aborda a história da bebida, ingredientes, processo de fabricação, países e estilos. O objetivo é dar uma introdução a esse mundo oferecendo o conhecimento básico para um consumo mais inteligente. As aulas serão realizadas às segundas-feiras – a partir de 30/06, até 28/07. São 15 horas de curso distribuídas em cinco aulas (das 19h30 às 22h30). O investimento é de R$ 750, divididos em até 2 vezes: matrícula + 1 parcela. Mais detalhes site do Instituto da Cerveja.
Inscrições e mais informações por e-mail:  bruna.azevedo@institutodacerveja.com.br ++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++

Wals X Santa LuziaCervejaria mineira Wäls cria rótulo para a Copa

Já está nas prateleiras a cerveja XWäls com rótulo comemorativo da Copa do Mundo do Brasil. Produzida em parceria com a marca da Casa Santa Luzia trata-se de Larger (baixa fermentação) do tipo Pilsen, clara, bem carbonatada, de sabor refrescante, aroma floral e fácil de beber. Por ser leve é ideal para harmonizar com massas, legumes, saladas, hambúrgueres, pizzas e com a delicada cozinha japonesa. Temperatura ideal para consumo 4ºC. Teor alcoólico: 5% O preço é de R$: 13,50  / garrafa de 600ml. Edição limitada disponível somente na Casa Santa Luzia.

Casa Santa Luzia
www.santaluzia.com.br
Alameda Lorena, 1471 –
Tel.: (11) 3897-5000


Café com a comadre: você sabe o que é café 100% arábica?

};?>

 

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

E com muita alegria que estreamos mais uma coluna no Sem Medida. A partir desta quarta, no Café com a Comadre, meu amigo querido e especialista em café, *Ensei Neto, vai responder uma dúvida sobre café. Eu pergunto, ele responde.

E como não existe pergunta boba, a ideia é que neste bate papo a gente responda dúvidas das mais simples às mais complexas. Sem preconceito e com muito amor pelo pretinho básico de cada dia. Ah! Você também pode mandar a sua pergunta sobre café que o Ensei responderá!  

Para começar, a simples pergunta: O que significa café 100% arábica?

A bebida preferida dos brasileiros, o Cafezinho, é feita a partir da torra das sementes do cafeeiro. Assim como a banana, que pode ser nanica ou da terra e cada uma pode ser consumida de forma diferente (a da terra você tem de passar no fogo!), o café também tem suas variações. As  mais usadas são as sementes de arábica e de robusta. Taí, arábica é um tipo de semente de café. 

Cada uma tem sua personalidade e, por isso, dão bebidas diferentes. As variedades do arábica, como o Bourbon, o Mundo Novo e o Catuaí, pelo fato de serem de uma planta mais exigente, produzem bebidas de maior riqueza de sabores, enquanto que os do robusta, como o Conilon e o Robusta, de plantas mais rústicas, tem sabores mais, digamos, básicos. No entanto, o que vale é a qualidade dos grãos, que depende de como os frutos foram colhidos, secados e torrados.

Fruta boa é fruta madura e essa máxima vale para o café também. Se for colhida antes do tempo, dá o gosto de imaturo, semelhante ao do caqui verde ou da banana verde, adstringente (que dá a sensação de aspereza e secura na boca). É um sabor chatinho e desconfortável e para encobri-lo, alguns produtores torram os grãos mais intensamente. Mas como resultado acabam obtendo uma bebida  com sabor queimado e amargo. Veja só: é como sair da frigideira e cair no fogo… Consertar coisa ruim nem sempre dá coisa boa!

Fruta madura dá sementes boas, que se forem secadas direitinho e tiverem uma torra bem feita, garantem uma bebida sempre muito bacana! Simples! Sem exageros, basta ser tudo em seu tempo…

Vamos experimentar uma outra xícara, então?

ENSEI NETO é Músico, Engenheiro Químico com Especialização em Tecnologia de Alimentos e Marketing, consultor especialista em Gestão Sensorial e autor do blog The Coffee Traveler